Monday, 17 May 2010

"De Degredado a Governador", por Filipe Gastão de Almeida de Eça (1950)

Do Macua de Mocambique, de Fernando Gil, 'emprestamos' a seguinte 'entrada' sobre Quelimane:

"De Degredado a Governador", por Filipe Gastão de Almeida de Eça (1950)
Obra muito interessante para a História da Zambézia (Quelimane) e de Tete. A vida e obra de Manuel Joaquim Mendes de Vasconcelos e Cirne que aos dezóito anos foi degredado para Moçambique, onde veio a falecer (Tete) em 1832, aos 48 anos de idade.

"Também a edilidade da hoje cidade de Quelimane deveria prestar a devida homenagem ao governador Vasconcelos e Cirne, o seu primeiro governador e um grande governador, e praticaria um acto de justiça se na sua toponímia citadina fizesse figurar o nome de tão prestante funcionário." Isto escreve o autor em 1950. Será que aconteceu?

Grato ao Magno Antunes por mais este trabalho.

Fernando Gil

Leia aqui http://www.malhanga.com/flipbook/degredado/

Poderá também gostar de:

No comments: